São Paulo, 1993

Luíza Luz propõe a experimentação e o cultivo das relações sociais através de práticas artísticas e da educação transdisciplinar. É autora do livro T(t)ERRA: Propostas Artístico Pedagógicas para o Cultivo da Cultura Ecológica (2016-2017). Dedica-se à escrita, canto e composição sonora, pintura e desenho, construção de objetos e instalações, jornadas de aprendizagem coletivas, e imersões na natureza. Atua em parceria com artistas, terapeutas integrativos, instituições culturais e de desenvolvimento humano. Trabalha pela difusão e co-criação de culturas de integração e reciprocidade com o organismo vivo da T(t)ERRA. É fundadora do movimento Escuta da T(t)ERRA e co-fundadora do Programa MUDA (Base Colaborativa), focado em Percepção Ecológica.







Percurso


Licenciatura em Artes Visuais pela FAAP (2016) com especialização em Alfabetização Ecológica, Filosofia da Linguagem, Educação Sócio Emocional e Expressão Artística. Formações complementares em Permacultura e Comunidades Sustentáveis pelo Instituto de Permacultura e Ecovilas do Cerrado - IPEC em Pirenópolis, Goiás (2014), e Design para Culturas Regenerativas pela Gaia Education São Paulo (2018). Integrante da Residência Artística Terra Una, Ecovila em Liberdade, Minas Gerais (2018). Selecionada pelo programa de bolsas do físico e ambientalista Fritjof Capra para a rede de pesquisa A Visão Sistemica da Vida. Participação na Virada Sustentável São Paulo - Festival de Sustentabilidade com a vivência Ecologias de Si (2018). Participou de exposições coletivas no Veredas SP (2015), da mostra I Scream (2015) e do Lambes na Laje, no Red Bull Station SP (2016).






 Contato
l.luizaluz@gmail.com